Mestre Paulo Dos Anjos

Nombre: José Paulo dos Anjos
País: Brasil
Ciudad: Salvador
Nacimiento: 15-08-1936
Defunción: 26-03-1999
Origen: Mestre Canjiquinha

Poucos praticantes de Capoeira da atualidade se apegaram tanto à tradição e à originalidade da luta quanto o sergipano de Estância, José Paulo dos Anjos, ou apenas mestre Paulo dos Anjos. Ele faleceu em Salvador, onde residia, vítima de infecção hospitalar, contraída durante uma cirurgia, num hospital local. Seu desaparecimento, além de causar a perda de uma figura humana muito estimada, representa também uma outra perda — irreparável — para a Capoeira. Em especial para a linhagem da Capoeira Angola.

Mestre Paulo dos Anjos destacou-se, em vida, como um dos mais versáteis e exímios angoleiros deste século e um dos que mais resistiram às tentativas correntes de enxertar a Capoeira tradicional com os modismos e inovações da capoeira moderna. “Para mim, nada mudou. Eu continuo fazendo a Capoeira Angola conforme a tradição”, ele costumava dizer.

 

Nascido em 15 de agosto de 1936, na cidade sergipana de Estância, o jovem de catorze anos José Paulo dos Santos já despontava, em Salvador (1950) como um promissor lutador de boxe. Desde que conheceu o mestre Canjiquinha, um ano antes, afeiçoou-se à Capoeira e passou a freqüentar as rodas de rua da capital baiana e das cidades do Recôncavo. Nas festas de largo, sua técnica e sua habilidade começaram a chamar a atenção de todos e, daí em diante, o tempo se incumbiu de transformá-lo no mestre Paulo dos Anjos, consagrado pelas mãos do próprio mestre Canjiquinha.

 

Além do respeito que sua personalidade impunha naturalmente aos seus contemporâneos, ele se tornou muito conhecido, também, como cantador de Capoeira e teve várias músicas gravadas em CD, com seu estilo peculiar, mantendo a tradição da Capoeira também nas músicas. Ao lado do mestre Gato Preto, deu aulas na Ilha de Itaparica e também em outras localidades da região metropolitana de Salvador.

 

Na década de 70, transferiu-se para São Paulo, onde permaneceu por cinco anos. Em São José dos Campos, formou o grupo Anjos de Angola. Em 1978, venceu o campeonato de Capoeira, promovido no Ginásio do Pacaembu, na capital paulista. Retornou a Salvador, em 1980, e influiu no movimento de conscientização dos capoeiras na luta por melhores condições de trabalho. Integrou, a partir de 1987, a Associação Brasileira de Capoeira Angola (ABCA) e acumulou seu trabalho na Capoeira com as atividades de funcionário público, na prefeitura de Salvador. Muitos de seus alunos são hoje, professores e mestres. Alguns já possuem academias próprias em Salvador e em São Paulo: Virgílio do Retiro, Jaime de Mar Grande, Jorge Satélite, Pássaro Preto, Amâncio, Neguinho, Renê, Alfredo, Djalma, Galego, Mala, Josias, Cabeção, Jequié, Feijão, Vital e Al Capone, entre outros.

 

Entrevista

 

“Eu sempre fui um angoleiro”

 

 

Uma das mais interessantes entrevistas do mestre Paulo dos Anjos foi concedida, em 1995, ao periódico “Capoeirando”, da Universidade Estadual Paulista (Unicamp), de Campinas. Como homenagem póstuma ao estimado mestre, a RC reproduz, abaixo, uma síntese dessa entrevista:

 

 

Capoeirando: Como ocorreu sua intimidade com a Capoeira?

 

Mestre Paulo dos Anjos: Aprendi com o mestre Canjiquinha e participava das rodas na academia do mestre Pastinha. Convivi com o mestre Gato Preto, ensinei com ele na Bahia e também ensinei muito tempo na academia dele, em São Paulo.

 

Cap.: Por que trocou a Bahia por São Paulo, na década de 70?

 

Paulo dos Anjos: A situação estava ruim para mim, numa época de maré sem peixe e um aluno — que treinava boxe comigo e sabia que eu jogava Capoeira — me convidou para ir para São Paulo, e eu fui.

 

Cap.: Continua ainda com suas aulas de Capoeira, em Salvador?

 

Paulo dos Anjos: Eu tenho a Associação de Capoeira Angola, mas são os alunos que dão as aulas. Eu dou aula no Salão Paroquial da Paz e alguns cursos fora da Bahia.

 

Cap.: Pela sua vivência, acha que a Capoeira está mudando?

 

Paulo dos Anjos: Para mim, nada mudou. Eu continuo fazendo a Capoeira Angola conforme a tradição. Eu sempre fui um angoleiro. Nem discuto a Regional porque não conheço, nem entendo. Se eu não entendo, não tenho que dar uma de entendedor!

 

Cap.: E como é essa questão da tradição?

 

Paulo dos Anjos: Tem que ter um cara mais velho do que eu para explicar.

 

Cap.: A tradição incluía o uso da navalha?

 

Paulo dos Anjos: Sempre teve gaiato, desordeiro com navalha. Safado, nunca deixou de ter (na Capoeira), mas uma coisa existia e parece que não existe mais: o respeito. Agora, tem moleque de vinte anos que, só porque dá um bocado de pulos, desafia o mestre e chama para brigar!

 

Cap.: Por que não se joga mais com navalha?

 

Paulo dos Anjos: Porque nunca se jogou Capoeira com navalha. Botar (navalha) no pé para jogar? Isso é mentira. É só exibição! É só show!

 

Cap.: Mesmo na antiga capoeira de rua não tinha navalha?

 

Paulo dos Anjos: Tinha, mas era no bolso do capoeirista. Para botar no pé e sair cortando, é mentira. Tem gente boa por aí que, se você pegar uma faca na mão e não for macho mesmo, ele toma a faca e ainda bate em você. Imagine por navalha no pé para sair cortando todo mundo! Isso é fantasia para enganar criança boba!

formadogarrote.blogspot.com

14 respostas a Mestre Paulo Dos Anjos

  1. Eu, Mestre Aristides retornando a Capoeira Como Esporte, após 12 Anos de afastamento, estará realizando no dia 25 de Setembro, o 1º Festival 2 de Julho de Capoeira. Espero a participação de todos aqueles que gostam da Capoeira como Esporte e Cultura, pois essa festa terá o reinicio da Capoeira Esportiva da Bahia. Qualquer capoeirista maior de 18 anos poderá participar deste Evento, independente de ser ou não Associados há uma Academia ou Associação.

    Contato: Rua Macapá, 474, Ondina – Telefone: (71) 3235.3601/9156.0006.
    e-mail: acalcapoeira@hotmail.com
    mestre_aristides@hotmail.com

  2. José Menino dos Santos diz:

    Fui aluno do mestre Paulo dos Anjos, em São José dos Campos.
    Naquele tempo eu não podia treinar a noite, então arrumava um tempo
    para treinar na hora do almoço da firma.
    Era só eu e o Mestre Paulo, aprendi muita coisa com ele.
    Ele me chamava carinhosamente de “Minino”, e dizia que eu tinha um futuro na Capoeira de Angola.
    Não foi isso que o destino quiz para mim, mas tenho muita saudade e respeito pela
    capoeira e pelo meu querido Mestre Paulo.

    José Menino.

  3. Nivaldo diz:

    nasci na capoeira de angola, na qual sinto muita saudades da época, minhas saudações ao saudoso mestre paulo, e a saudoso prof° cabeça na qual foram meus mestres

  4. BENEDITO R. NASC. diz:

    Fui aluno do SAUDOSO MESTRE PAULO DOS ANJOS,E CHAMADO POR ELE DE CABOCLO, NAQUELES BONS TEMPOS DA CAPOEIRA, tempos que o Mestre Paulo, formou os hje mestres, VITAL, ALCAPONE, JEQUIÉ, CABEÇÃO, MEU AMIGO DE INFANCIA, HOJE JÁ FALECIDO
    Muita saudades do Mestre Paulo.

  5. C.Mestre TEIÚ MALLANDRO diz:

    Gostaria de ter mais passagens de Grandes Mestres da Capoeira Angola para nós nos guiar-mos. Isso é de grande importância para a Capoeira do mundo todo. LEGAL!!!

  6. EDSON SANTOS diz:

    EU FUI UM FELIZARDO, POIS CONHECI MESTRE PAULO DOS ANJOS E, ATRAVES DE UM IRMÃO QUE HAVIA TREINADO BOXE COM ELE, E COMO ESTAVA DE FERIAS EM SALVADOR, PASSEI A TREINAR COM ELE E SEU FILHO MAIS VELHO, NAS DEPENDENCIAS DAS ANTIGA LIMPURB ONDE ELE TRABALHAVA COMO MOTORISTA, VOLTEI PARA JACAREI-SP, ONDE DAVA AULA NA ACADEMIA ZUMBI DOS PALMARES,COMO ESTUDAVA EM SÃO JOSE DOS CAMPOS, UM AMIGO ME PEDIU UM MESTRE DE CAPOEIRA, PARA DAR AULA EM SUA ACADEMIA DE HALTEROFILISMO, ELE ACEITOU E LA COMEÇOU SEU REINADO EM SÃO PAULO, ONDE SEMPREFOI MUITO RESPEITADO,JUNTAMENTE COM MESTRE SUASSUNA,
    FUI SEU PRIMEIRO FORMANDO A PROFESSOR DE CAPOEIRA
    EM SAO PAULO,JUNTOS FORMAMOS MUITOS OUTROS JOVENS, FEIJÃO,JOSIAS, E OOUTOS

    GRANDE SAUDADE DO MESTRE.
    EDSON SANTOS ADVOGADO EM SALVADOR-BAHIA

    • Anacleto Mendes diz:

      Fui seu aluno, do Walter e de Mestre Paulo. Não sei realmente explicar minha emoção ao me deparar com essa nossa historia. Creci nesse meio e me tornei gente grande. Tenho muita saudade do Mestre Paulo dos Anjos, Salve Angola.
      Anacleto Jose Mendes

  7. EDSON SANTOS diz:

    FUI SEU PRIMEIRO FORMANDO A PROFESSOR DE CAPOEIRA
    EM SAO PAULO,JUNTOS FORMAMOS MUITOS OUTROS JOVENS, FEIJÃO,JOSIAS, E OUTROS,

    GRANDE SAUDADE DO MESTRE.
    E ALUNOS

    EDSON SANTOS ADVOGADO EM SALVADOR-BAHIA
    edsonsantos.adv@hotmail.com

  8. ROBERTO FERRERA diz:

    OLA TENHO GRANDE OU TINHA GRANDE ADIMIRAÇAO PELO PAULO DOS ANJOS CONHEÇI ELE PESSOALMENTE NO 1 OPEM DA MUZENZA EM 1996 EM CURITIBA PR ELE ERA MUITO ESPONTANIO NA SUA CAPOERAJEM TOTALMENTE ESPONTANIO ISTO HE QUE FALTA HOJE NA CAPOERA SER ESPONTANIO SOU CONTRA MESTRE DE CAPOERA SENDO MEU PRIMEIRO MESTRE MANOEL EM COLOMBO PR ELE SENDO ALUNO DE MESTRE SERJIPE AO9 QUAL TIVE COMO MEU MESTRE TAMBEM SENDO ELE ALUNO DE MESTRE CAIÇARA FIQUEI 10 ANOS COM O GRUPO MESTRE SERJIPE DEPOIS FUI PRA FLORIPA DAI LA CONHEÇI A VERDADE SOBRE CAPOERA ANGOLA COM MESTRE PINOQUIO MESTRE NO MESTRE CALUNGA MESTRE BRAULINO , JERRI , ADAO , CORVAO , TENENTE , HUMMMM MUITO AXE PRA ESTES ANGOLEROS DA ILHA DDA MAJIA PRA VOCE MESTRE PINOQUIO MUITO AXE AO QUAO MI ENSINAÇE O POUCO DE ANGOLA QUE SEI HOJE MUITO AXE PROS ANGOLEIROS DO BRASIL ESTOU EM CASCAVEL PR MEU HOTMAIL HEEE BETO_COSTRUTOR@HOTMAIL.COM OU CELULAR 045 99285159MUITO AXE PRA VOÇES EM JERAL SOU OU ERA FA DE MESTRE PAULO DOS ANJOS OKKKKKKK

  9. Prof.fumaca diz:

    Sou profesor vivo hoje ma espanha vivir c mestre Paulo dos anjos e ele sempre me dizia ser praticante de capoeira tem q ser forte para lutar contra os cativeros da vida Tenho uma associacao de capoeira aqui ña espanha chamada ass de capoeira arte brasileira MEU Mail edpercussao@hotmail.com

  10. Marinho diz:

    Mestre Paulo dos Anjos, nao sei precisar o ano, veio a Sao Jose dos Campos a convite do dono de uma academia recem inaugurada, proxima ao mercado Municipal (R Cap Roberto F Maldos) onde eu morava e era o unico que treinava. Entao, fui seu primeiro aluno em SP e treinei por alguns anos, mas a carreira de engenheiro nao me deixou levar a capoeira adiante. Depois ele foi para sua propria academia na R Vilaca (meu pai, Seu Elizeu, era seu fiador). Muitas das festas em minha casa nos o convidavamos por ser muito amigo e nos sabiamos da sua falta de familia em SP. Muito aprendi na capoeira e na vida com ele, malicia, ginga e simplicidade. Tenho saudades tambem dos amigos, Jequie,Cabeca, Alcapone, Vital, Josias, meu compadre Paulao e outros. Anos depois treinei novamente com Mestre Lobao, um grande amigo e presença marcante como apoio principalmente nas horas dificies ao Mestre Paulo dos Anjos.

  11. SANDRO(BIRIGUI) diz:

    Sou um dos descendentes de Paulo dos Anjos,Mestre Vital,hoje tenho um grupo (GRUPO DE CAPOEIRA BANTU) em São José dos Campos e gostaria de receber o retorno que está mensagem foi lida,ABRAÇO.Sandro vulgo Birigui.

    • Jeronimo diz:

      Ôôôh, bando de caba bom,deu até arrepios com essa história e esses comentários,me lembrei de quando jogava capoeira la em Irecê (BA). Mestre Paulo, muito falado e cantado nas academias e rodas de capoeira do Brasil inteiro.
      Com essa tal globalização e modernização das coisas, estamos substituindo nossas origens, acabam-se a tão boa e velha capoeira de Angola, o nosso Roots reggae. Quão bom eram os velhos tempos que começava na capoeira, descobrindo um dos lados bons da vida. Ainda bem que ainda podemos encontrar resistência em alguns pontos desse grande Brasil. Hoje vivo em SP.
      Um grande abra aos angoleiros Mestres Gavião e seu irmão Carioca em Irecê. Se alguém que os conhece, passe essa mensagem para eles. Muito obrigado.

  12. Ronaldo da Costa Rodrigues. diz:

    trenei com os mestres vital e alcapone em 1987 em são jose dos campos são eles formados de mestre paulo dos anjos ,quando tinha batismo o mestre paulo dos anjos as vezes estava presente ,no ano de 2000 formei professor na associação cultural de capoeira anjos de angola ja tive a honra de jogar capoeira com mestre paulo .sou conhecido como (BERIMBAU) as vezes quando estava em alguns eventos,os capoeiras dizia esse e o berimbau do anjos de angola,recentemente em 2007 fundei o CENTRO CULTURAL BERIMBAU DOS ANJOS. em são jose dos campos.sp .e agora em 2012 no dia 11 de novembro estarei recebendo a graduação de mestre,dos mestre alcapone e vital e nesse dia a almenagem e para esse dois mestre que me ensinaram um pouco do que aprenderam com mestre PAULO DOS ANJOS,ieh viva meus mestre viva Paulo dos Anjos ,alcapone e vital sou eu BERIMBAU.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: